A tenebrosa história do banheiro que você nunca poderia imaginar!

7 comments
Tenebrosa história do Banheiro - Capa

Hoje em dia ir ao banheiro é algo tão corriqueiro, que temos até a impressão que sempre foi assim. Só que não!...

A história do banheiro é conturbada, e até chocante para os nossos atuais padrões.

A história do banheiro desde o início

Os sanitários como conhecemos hoje, do ponto de vista histórico, só começaram a existir bem recentemente, e dependeram de muitas inovações pra estarem à nossa disposição hoje.

Banheiro Trono

Nós do 'Curto e Curioso' já revelamos muitos detalhes sobre a época medieval, e agora fomos atrás da origem do banheiro, e conseguimos reunir várias curiosidades sobre o toalete que vão te impressionar!




Mas lembre-se que, se a história do banheiro lhe parecer terrível, tente comparar isso com o que acontecia antes, quando os banheiros não existiam, e as necessidades eram feitas em um cantinho qualquer, ou até pior: bem no meio de todo mundo, sem nenhum constrangimento!

Harappa - Tudo pelo cano

A história do banheiro - Harappa
A civilização Harappeana (Ou "Vale do Indo"), que floresceu no oeste da Índia por volta de 2500 a.C., já construía latrinas com água corrente, que eram ligadas a canais construídos com tijolos e faziam parte de um sistema sanitário que incluía até bueiros.

Egito antigo - Enfim sentados

A história do banheiro - Egito
Foi no Egito, por volta de 2000 a.C., que apareceram as primeiras latrinas que eram usadas da forma que conhecemos hoje (com assentos). Mas não há dados históricos sobre encanamentos, canaletas ou sistemas de esgotos. Cerca de mil anos depois, surgiu o primeiro relato de um mecanismo de descarga hidráulica inovador,  que teria sido inventado pelos habitantes da ilha de Bahrein, no Golfo Pérsico.

Roma antiga - Lado a lado

A história do banheiro - Roma antiga
A higiene dos romanos antigos pode até não parecer muito boa hoje, mas na época estava bem à frente da maioria dos povos. Eles já tinham grandes complexos de água corrente (os aquedutos) e até esgotos, fazendo inveja à Europa medieval de séculos depois. O típico banheiro romano era comunitário, todos sentavam lado a lado, e embaixo deles passava um canal de água corrente, usado para carregar os dejetos até rios distantes.

Logo à frente dos assentos havia outra pequena canaleta com água corrente (como se vê nas fotos): Esponjinhas reutilizáveis eram usadas por todos (!), a não ser que o cidadão fosse rico, e tivesse seu próprio escravo pra carregar sua esponjinha exclusiva...

A história do banheiro - Roma antiga - Esponjas de limpeza

Eram frequentados tanto por homens como por mulheres. Além disso eles gostavam de interagir durante sua evacuação: promoviam debates, encontros cívicos e até banquetes (!) em seus banheiros!

Europa - Janelas perigosas!

A história do banheiro - Europa - penicos esvaziados pela janela
Parece até que a Europa sofreu de amnésia: todos os avanços dos antigos romanos "foram pro ralo" na Europa medieval. Eles simplesmente se esqueceram de todos os sistemas desenvolvidos séculos antes, e não tinham nenhum sistema de infra-estrutura. Era comum que o esgoto corresse a céu aberto, em valas no meio das ruas.

Mas, conforme o ditado "Nada está tõ ruim que não possa piorar", dentro das casas não existiam banheiros. Os penicos eram utilizados por todos, e esvaziados pela janela! Sim, simplesmente jogavam o conteúdo de seus penicos pela janela, atirando tudo no meio da rua, sem preocupação com os pobres cidadãos que estivessem passando...

Banheiros dentro de casa só começariam a se popularizar na Europa em 1668, quando a França instituiu uma nova legislação em Paris: o decreto determinava que todas as novas casas construídas na cidade deveriam ter esse importante cômodo.

A história do banheiro - Banheiro de Castelo

Mesmo assim, nas mais luxuosas mansões e castelos, normalmente não haviam banheiros, e sim apenas um buraco no qual os usuários deixavam seus dejetos, que iam parar na rua mesmo ou no fosso em torno do castelo. Além de frios e ventosos, estes banheiros cheiravam tão mal que eram usados para guardar roupa, que assim ficava protegida de insetos, por isto, esses cômodos eram conhecidos como “garderobes”, que quer dizer "closet", aquele quarto que serve de guarda-roupas!

Estados Unidos - Finalmente o papel higiênico

A história do banheiro - Inventor do papel higiênico
A limpeza depois da evacuação era difícil e, fora as infelizes esponjinhas romanas que já descrevemos acima, nunca houve muita preocupação com a higiene "pós -evacuação" nos banheiros primitivos. O jeito era as pessoas se limparem com o que estivesse à mão, e podia ser qualquer coisa, como água, grama e até areia! O papel higiênico só foi inventado em 1857, nos Estados Unidos, por Joseph Gayetty.




Gostou? Então curta nossa página no facebook.
Você vai adorar!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

7 comentários:

  1. Respostas
    1. Olá Marcel, nós que agradecemos seu comentário, que valeu como um elogio! Ficamos muito felizes com o seu reconhecimento! Abraços de toda a nossa equipe!

      Excluir
  2. É, pensando bem...estamos no céu com banheiros hoje. Bela reportagem!

    ResponderExcluir
  3. Poderia informar o nome do autor deste texto pois vou usar em um trabalho de pesquisa de campo

    ResponderExcluir