Chupa-cabra capturado vivo: o enigmático caso que intrigou os EUA

18 comments
Chupa-cabra capturado: o caso do Bluedog nos EUA

Finalmente o famoso "Chupa-Cabras" pode ter sido revelado! Bom, pelo menos nos Estados Unidos... e existe até um vídeo do animal vivo que surpreendeu o mundo!

Essa história começou com o intrigante incidente da Dra. Phylis Canion, moradora do Texas, que encontrou uma misteriosa criatura morta ao lado da estrada no caminho de seu rancho na região de Cuero.

Chupa-cabra Bluedog do Texas

A história da Dra. Canion se parece muito com todos aqueles inúmeros casos de "Chupa-Cabras" já relatados ao redor do mundo: seu rancho sofria com a misteriosa morte de galinhas com ferimentos no pescoço, e sem nenhum sangue.




Semanas após os primeiros ataques ela encontrou a estranha criatura morta na beira da estrada e a levou até um taxidermista, para ser empalhado, e desde então mantém o suposto "chupa-cabras" em sua casa.

Chupa-cabra Bluedog do Texas empalhado

O caso acabou ficando famoso, e o bizarro animal ficou conhecido nos EUA como "BlueDog" (Cachorro Azul em tradução literal), devido a sua pele negra quase azulada, com textura de pele de elefante e pelos esparsos. Os olhos da criatura eram azuis quase albinos, e o formato de seu focinho com dentes proeminentes completavam a aparência estranha.

Mas (como sempre) há controvérsias... Inicialmente, as autoridades do Texas acreditavam que o animal tão misterioso seria apenas (pasmem!) um cão sarnento, híbrido de coiote no lado materno e lobo mexicano pelo lado paterno, e sua pele estranha seria resultado de seu grave caso de sarna...

Chupa-cabra Bluedog do Texas empalhado 2

Claro que a Dra. Phylis Canion discorda dessa explicação, e afirma que seu animal é sim uma espécie desconhecida. Segundo ela, sua criatura teria duas glândulas estranhas e inexplicáveis ao lado da cauda, três falanges ou "dedos" nas patas dianteiras (enquanto os lobos e coiotes têm quatro), e apenas quatro mamilos (a maioria dos outros caninos têm entre oito e 10).

Ela faz ainda outras especulações, e afirma que os olhos azuis e pele sem pelos sugerem um animal que vive no subsolo, e que seu exemplar poderia ser um animal que foi forçado a sair do subterrâneo devido as recentes enchentes que assolaram o Texas nessa época.

E como se esse caso da Dra. Canion não fosse suficiente, outro evento recentemente colocou mais lenha nessa fogueira: um casal, também do Texas, apareceu com uma criatura estranha, e dessa vez o animal estava vivo! Televisões do mundo inteiro divulgaram a notícia e o caso também ficou famoso.

Chupa-cabra capturado vivo

E se você quer saber se esse animal é realmente o famoso "Chupa-Cabras", sentimos informar que esse assunto vai ficar na dúvida mesmo, afinal nem mesmo biólogos conceituados conseguiram identificar a criatura, que agora é mais um capítulo misterioso nessa história.





Gostou? Então curta nossa página no facebook.
Você vai adorar!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

18 comentários:

  1. os caras vivem capturando cães com sarna e falando que pegaram chupa cabra, rsrs.

    ResponderExcluir
  2. Acho que cachorro,não é ,pois pelo que sei ,os cães não seguram com as patas,o seu alimento!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andre
      tenho 5 cães em casa e muitos já passaram pelas minhas mãos antes de serem adotados. Posso te garantir que alguns cães prendem a comida entre as patas dianteiras para roerem. Costumam fazer isso com biscoitos grandes, brinquedos e alimentos duros.
      Espero ter ajudado
      Abraço

      Excluir
    2. Não amigo, o caso não e prender o alimento no chão,mais levanta lo em direção a boca como esse dai, enfiar essas garras e prender os dedos pelas grades, eu ja vi cão do mato e raposa presa, não lembro desses comportamentos ai

      Excluir
    3. Esse esta comendo como se fosse um roedor, não apenas prendendo a comida.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiz Henrique. Desculpe mas tivemos que apagar seu comentário, pois continha um link que levava para outro site. Se quiser, pode mencionar o nome do site, ou o nome da matéria, mas o link em si não pode ser incluído nos comentários, de acordo com nossas políticas de privacidade e termos de uso. Um grande abraço Luiz!

      Excluir
  4. É um guaxinim.. Inclusive eles falam na entrevista.
    ¬¬'

    ResponderExcluir
  5. Ainda vamos ver muitas mutações em animais e plantas devido a radiação, poluição, contaminação química... para mim é uma mutação genética de um cão.

    ResponderExcluir
  6. É só um guaxinim pelado e zuado.

    ResponderExcluir
  7. nem passaram perto sabe de nada

    ResponderExcluir
  8. Pelo compocomportamento parece um canguru geneticamente diferente! Único chupa cabra que olhei no Visio foi a ceia de cabelos brancos! kkkk.

    ResponderExcluir